Para Além do Parque – O trabalho avança e a partilha também….


“A sombra é, maior que a luz sempre que rejeitares o que te seduz”

7ª Saída

5 Abril 2014                                   Freguesia N. S. Fátima, Ourém.

                                                         Freguesia Chancelaria, Torres Novas.

 

Recolha de dados e exploração do Algar da burra e Papagaio.

Desobstrução exsurgência da Pena de água.

Elementos presentes: André Reis, Hélio Frade, José Ribeiro e Sofia Reboleira.

Encontrámo-nos na rotunda Norte de Fátima as 10h. Beijinhos e abraços, últimos pormenores e decisões e siga para a gruta da burra.

a equipe.

a equipe.

Após alguma procura ali estava ela a nossa espera. Esta cavidade de entrada em destrepe, com sala ampla no seu interior que apresenta pelo menos duas condutas de tecto bem definidas e respectivas diáclases. Os estratos estão praticamente na horizontal o que é normal nas grutas desta zona.

Entrada do algar da burra

Entrada do algar da burra

Num canto da cavidade existe novo destrepe que nos dá acesso a pequena galeria que não é mais que um aglomerado de blocos mas que por onde o Picatchu se enfiou e ligou a outro canto da galeria. Após recolha de dados e a Sofia recolher os seus micro-insectos saímos em direcção ao jeep, onde mesmo ali ao lado estendemos a toalha e toca a comer. A ementa foi variadissima mas bom, bom estava o paio e o pão caseiro.

Com a barriga cheia, seguimos para o algar do Papagaio. Fizemos a respectiva recolha de dados e entrámos pela “porta” ali existente.

 

Entrada do algar do Papagaio

Entrada do algar do Papagaio

Esta gruta está muito humanizada, tendo sido alvo de uma tentativa de comercialização. A gruta é uma conduta que nas suas extremidades está obstruida.

Apesar de muito humanizada, ainda tem formações de grande beleza.

Apesar de muito humanizada, ainda tem formações de grande beleza.

Os estratos quase na horizontal estão bem definidos. A gruta tem formações de grande beleza mas também muito cimento e tijolo. Após exploração fizemos recolha de dados e saímos, já eram 15h.

Seguimos como antes planeado para as Exsurgências da Pena de água onde continuamos a nossa desobstrução.

Após alguns Tin-tins deu para entrar para dentro da parede e verificar ao contrario do que inicialmente pensavamos a água afinal não vem de frente mas sim da direita e com força!!!

Fenda por onde brota a água. 5 de abril.

Fenda por onde brota a água. 5 de abril.

Estavamos bastante animados mas já se fazia tarde e a larica era muita, seguimos até a Ti Maria onde comemos um belo repasto e sonhamos……

Abraço

André, Picatchu, Chouriço.

Amigos este projecto procura ser um meio de partilha, mas a partilha não é só nossa e aqui vai alguns  algares Partilhados pelo G.E.M.

Algar do Comformoso

Entrada do Algar Comformoso. Foto Marta Borges

Entrada do Algar Comformoso.
Foto Marta Borges

convert-jpg-to-pdf.net_2014-08-20_22-33-13

Algar das Pedras

Aspecto do Algar.  Foto Marta Borges

Aspecto do Algar.
Foto Marta Borges

convert-jpg-to-pdf.net_2014-08-20_22-45-00

Algar do Marouço

convert-jpg-to-pdf.net_2014-08-20_22-30-59

Amigos até a próxima e a obra avança, YUPIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII………………………!!!!!!!

Anúncios

~ por josechourico em 25 / 08 / 2014.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: