As botas da Espeleo


Crónicas espeleológicas II

A propósito de compras para a próxima expedição e de ter visto na página do nalga do facebook, uma foto onde saíam com as minhas saudosas e já extintas botas de espeleo, pus-me a reflectir sobre esta, tão importante, peça de equipamento individual.

Há botas de espeleo para todos os gostos e todos os nomes. De cano alto, de várias cores, sem forro interno, com tacão para ajudar a subir pela escada de Joly, com o fundo bem marcado para dar aderência. Há quem lhe chame botas, botins, galochas, botas de água, etc. Há botas de várias cores, para que as senhoras possam conjugar elegantemente as cores dos componentes do seu equipamento. Há quem as limpe e há quem as deixe meses envolvidas no fato de espeleo à espera da próxima saída. Há botas com biqueira de aço, há botas de montanha que fazem de botas de espeleo. Há botas compradas na feira e botas compradas na Expè. Há até quem vá às grutas de chinelos… Por muito que se diga, todo o espeleólogo tem as suas!

Tive umas botas de espeleo que me duraram 12 anos! Adorava aquelas botas, tinha-as comprado num supermercado, tinham um forro fino, eram da linha ‘Junior’ (ou seja, eram de criança) e tinham as marcas de quase todas as minhas incursões às grutas. Eu tinha, naturalmente, uma grande ligação afectiva a essas botas!
Há cerca de um ano, não tive outro remédio se não tomar a decisão de reformar as botas de espeleo e comprar outras. Começa o drama! Escolher umas botas de espeleo…

Uma tarefa que incialmente pode parecer simples, converte-se num jogo emocional: ai as botas que me aqueceram os pés quando apanhámos com uma valente crescida, ai as botas que têm as marcas dos dentinhos do meu extinto gato, ai as botas que foram aqui e ali, que pisaram mantos e mantos de calcite, degraus de escadas, rios subterrâneos, e galerias fósseis, botas que escorregaram nas argilas de tantas grutas e botas que viram o mesmo que eu! Botas que se divertiram, tanto como eu, nas grutas e a caminho delas!

Esta artéria lusitana saudosista, que converte qualquer tarefa banal num fado, atacou-me. Arrastei as botas o máximo que pude! Já não deixavam marca, o seu fundo era liso de todo, já não tinham bordos, tudo tinha sido arredondado pelas rochas.

Fui com uma amiga a uma dessas grandes superfícies desportivas e comprei umas botas novas. Catitas. Verde alface. Que ficam giríssimas com o meu fato amarelo.

Mas foi-me difícil largar as botas antigas e passei por uma fase de adaptação entre: hoje levo as antigas, amanhã levo as novas.

Até que um dia, em plena charca argilosa da gruta de Alvide, tive o que merecia por tanta indecisão… as estimadas botas abriram a sola a meio e toda a argila entrou e inundou um dos meus pés. Passei algumas horas com aquele ‘barrento chop, chop’ no pé. Efectivamente, já devia ter deitado estas botas ao lixo! Finalmente larguei as botas.

Ainda assim, nenhuma bota é tão boa como as antigas. Davam para escalar, agarravam à rocha como nenhuma outra. Eram maleáveis, mas ao mesmo tempo resistentes e protectoras.

Enfim… como podeis imaginar, continuo a arrastar também um fato de espeleo todo roto (ainda que tenha fatos novos arrumados), não sei porquê mas não o consigo deitar fora, é uma espécie de registo visual, físico e vivo, de todas as aventuras espeleológicas!

Estranha esta relação que temos com o equipamento ‘da espeleo’!

Um abraço a todos e até breve,

M007

Anúncios

~ por Membro 007 em 19 / 08 / 2010.

3 Respostas to “As botas da Espeleo”

  1. A foto parece-me injusta. Há que haver igualdade entre os sexos.

  2. A bem dizer, com toda a certeza que este texto aguardava esta foto para poder ver a luz do dia…lindo. Falta efectivamente um par de botas femenino para equilibrar.
    PS-Onde foste tu buscar esta imagem? Abraço.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: